Sofrer de dores no estômago é um verdadeiro desconforto. Veja como acabar com elas.

A dor de estômago pode ser normal naquelas ocasiões em que há um exagero no consumo de alimentos pesados ou de bebidas alcoólicas. Porém, se esse desconforto tem sido frequente, é sinal de que algo está errado. Sofrer com esse incômodo pode levar a uma gastrite, doença que se torna grave quando não tratada. Os principais sintomas são sensação de estômago pesado ou estufado, inchaço por tempo anormal, dor localizada na boca do estômago, dor de cabeça, gases, queimação, azia e enjoos.

Como acabar com a dor de estômago

Você se identificou com algum deles? Veja na lista abaixo o que pode estar lhe causando dores no estômago:

ALIMENTAÇÃO

As comidas condimentadas, ácidas, álcool e refrigerantes quando consumidas em excesso, podem levar a irritação e inflamação do estômago. Esses sintomas passam em dois dias, mas se você permanecer comendo além da conta, a tendência é a situação evoluir para um quadro mais grave e seu estômago acusar o golpe.

ESTRESSE

Irritação, ansiedade e angústia aumentam a produção do ácido estomacal. Quando a quantidade desse ácido se eleva, o estômago fica irritado, inflama e uma gastrite vem a caminho.

MEDICAMENTOS

Alguns anti-inflamatórios e anticoncepcionais bloqueiam a substância reguladora da liberação do ácido gástrico. Em grande quantidade, ele agride o estômago, causando azia e outros incômodos.

BACTÉRIAS

A conhecida bactéria helicobacter pylori entra no organismo através de alguns alimentos ou por contágio com pessoas infectadas. Quando alojadas no estômago, a produção do ácido gástrico fica elevada e a mucosa, irritada. Cuidado com a gastrite.

JEJUM

Ficar sem se alimentar por tempo superior a quatro horas estimula a produção do ácido gástrico (ele de novo), provocando dor. Respeite seu estômago alimentando-se a cada três horas, optando sempre, é claro, por produtos saudáveis.

CIGARRO

Além do todos os males já conhecidos causados pelo cigarro, a fumaça deixa bem mais sensível o sistema gastrointestinal. As chances de aparecimento de tumores no estômago e esôfago são grandes.

Não se medique sozinha. Ingerir antiácidos por conta própria somente fará com que a dor seja aliviada. Contudo o problema continuará ali e você voltará a sentir dores e desconfortos mais cedo ou mais tarde. É possível ainda que o tratamento leve mais tempo a dar resultado por você não ter procurado um médico no tempo apropriado. Não ignore os sintomas. Uma simples dor pode evoluir para uma gastrite e, posteriormente, para uma úlcera.

Se a causa da sua dor é estresse, procure iniciar atividades que possam afastar a ansiedade. Práticas esportivas, ioga e meditação são as mais indicadas. Trabalhos manuais também são uma verdadeira terapia. Viva com qualidade.

Receba mais sobre "Como acabar com a dor de estômago" e outros artigos do Como Fazer Online no seu e-mail. É grátis!



Faça um Comentário