Como afastar a dor comendo os alimentos certos

Sabe aquela dor que incomoda você? Dê um fim nela pondo a comida certa no seu prato.

A cura está no prato. Dores frequentes e que se transformaram em crônicas podem ter como origem processos inflamatórios causado por uma alimentação deficiente e incorreta. Se o açúcar refinado e gordura trans e saturadas costumam fazer parte do seu cardápio diário, fique atento. As dores que você sente podem ser causadas pela má alimentação. Abaixo confira o que você deve pôr no prato para viver mais saudável e feliz.

Publicidade

Azeite de oliva extravirgem

Já ouviu falar no oleocanthal? É um agente natural anti-inflamatório presente no azeite de oliva. As opções para você usar o azeite são várias. Passe no pão no lugar da manteiga ou da margarina. As saladas ficam deliciosas quando temperadas com o azeite de oliva, assim como qualquer outro prato da sua preferência.

Açaí, cranberry e uva branca

Estes 3 alimentos são ricos em flavonóides, substância que combate os processos inflamatórios.

Algas marinhas

Ninguém dá muito valor para as algas marinhas, porém as substâncias contidas nelas afastam os radicais livres do organismo, reduzindo inflamações.

Publicidade

Alho

Quem nunca ouviu falar que o alho combate gripes e resfriados? As suas substâncias antioxidantes ajudam no combate às infecções e inflamações. Para consumi-lo, pique bem o alho e deixe macerar. Espere 10 minutos antes de ingeri-lo preferencialmente cru. Você pode optar em acrescentar o alho no final da preparação dos pratos.

Chia, linhaça, óleo de peixe

Entre suas propriedades se encontra o ômega 3. Estes alimentos reduzem a produção de certas substâncias naturais muito semelhantes a hormônios e que podem causar inflamações.

Cúrcuma

Eficiente no combate às inflamações, acrescente a cúrcuma no final da preparação de alimentos como arroz integral, molho de tomate e legumes no vapor.

Gengibre

Contém o gengirol, uma substância que age como analgésico muito eficiente, e o selênio, um mineral com poder anti-inflamatório.

Nozes, amêndoas e castanhas

A arginina presente nestes alimentos favorece a dilatação dos vasos sanguíneos, melhorando a circulação. Quem sofre com colesterol, triglicerídeos e pressão alta deve consumi-los com frequência já que são fontes de gordura boa. Para completar os benefícios, o magnésio contido na noz, amêndoa e nas castanhas possui um grande poder anti-inflamatório.

Óleo de abacate

Os carotenóides, fitosteróis, ácidos graxos, ômega 3, ômega 9 e vitamina E atuam em conjunto combatendo as inflamações. Use este óleo em preparações quentes.

Afaste-se ou coma com moderação os seguintes alimentos:

– Carnes suínas e bovinas com gordura;
– Embutidos (salsicha, linguiça, salame);
– Frituras em geral;
– Leite e derivados na versão integral como queijos amarelos, requeijão, creme de leite e manteiga;
– Óleos vegetais de soja, algodão, milho e girassol;
– Pão francês, arroz, biscoitos de água e sal, biscoitos de maisena, bolos simples e quaisquer outros alimentos com cereais refinados;
– Refrigerantes;
– Bebidas alcoólicas;
– Alimentos industrializados. Evite principalmente aqueles que contêm muitos aromatizantes, conservantes e corantes.

Publicidade

Comente