Como cortar cebola sem chorar

Praticamente todas as pessoas que já cortaram cebola acabaram “emocionadas”. Saiba por que isso acontece e como evitar as lágrimas.

Não é raro que uma pessoa, ao cortar uma cebola, comece a lacrimejar e sentir ardência nos olhos. Quando isso acontece nos sentimos incomodados e sempre pensamos no que podemos fazer para amenizar essa irritação nos olhos e continuarmos cozinhando sem problemas.

Publicidade

Primeiro, é importante saber que essa reação é um mecanismo de defesa do nosso corpo. Ao cortamos uma cebola, ela libera uma substância que se chama ácido sulfénico; esse ácido é volátil e se transforma em gás; esse gás entra em contato com a umidade de nossos olhos e, ao entrar em contato com a água que temos nos olhos, o gás se transforma numa solução de ácido sulfúrico e nosso organismo aumenta ainda mais a produção de água nessa região; é esse excesso de água nos nossos olhos que acaba se transformando em lágrimas. Tudo não passa de uma tentativa do nosso organismo de limpar os nossos olhos e tirar deles essa “solução invasora” de ácido sulfúrico.

Existem alguns truques que podem ser feitos na cozinha mesmo e que evitam que o gás liberado pela cebola provoque essa reação nos nossos olhos. Nem sempre os truques dão certo, mas alguns ficaram famosos porque, ao serem usados, se mostrarem realmente eficientes. Confira abaixo alguns desses truques:

– Ligue um ventilador enquanto corta a cebola; assim, o ar do ventilador vai dissipar o gás que a cebola solta e dificultar o contato do gás com a umidade dos olhos, evitando o excesso de água e as lágrimas

Publicidade

– Corte a cebola próximo ao fogão e deixe uma das chamas acesas; a chama do fogão “puxa” os gases da cebola para a combustão junto com o gás usado no próprio fogão e assim o gás não chega até os olhos e não provoca irritação e nem lágrimas

– Corte a cebola com um palito de fósforo (apagado, claro!) entre os dentes; dessa forma você começará a salivar e a maior parte do gás emitido pela cebola vai entrar em contato primeiro com água que vai encontrar nas gotículas da saliva, chegando pouco gás aos olhos e causando pouca ou quase nenhuma reação nos olhos
Com as dicas acima a vida dos cozinheiros e cozinheiras profissionais, e também daqueles que são apenas amadores e “se viram” bem ao preparar comida, vai ficar muito mais fácil e a cebola, ingrediente usado praticamente todos os dias pelos brasileiros, não vai mais ser uma vilã dentro da cozinha.

Publicidade

Comente