Como diminuir o uso do sal

O uso indiscriminado do sal pode causar uma série de doenças, como a hipertensão.

Veja como diminuir seu uso.

A hipertensão atinge cada vez mais pessoas. E um dos motivos está relacionado à alimentação. O uso excessivo de sal também pode provocar problemas renais, cardiovasculares e retenção de líquidos. Mas o melhor de tudo é que a solução está na sua própria mesa. Temperos naturais deixam a comida muito mais saborosa, além de fazerem muito bem para sua saúde. Conheça alguns deles e aprenda a como diminuir o uso do sal:

Publicidade

– Alecrim é perfeito para temperar sopas, ovos, peixes, legumes, berinjela, batata e couve-flor. Pode ser usado também em carnes brancas e na carne de porco. Função: ajuda na digestão e favorece a circulação;

– A cebola e o alho podem temperar quase todos os tipos de pratos, deixando aquele gostinho super especial. Para quem sofre de pressão alta e colesterol, o alho é muito indicado. Já a cebola reduz as chances de sofrer com trombose e aterosclerose. Função: juntos previnem contra determinados tipos de câncer como o de pulmão, estômago, próstata e fígado;

– Hortelã pode ser usada em sucos, chás gelados e saladas verdes. Nos pratos árabes também é bastante usada, como o tabule. Função: alivia dores de estômago, é diurética e digestiva;

Publicidade

– A cebolinha fica muito bem em molhos, patês, massas, omelete, gratinados, peixes e carnes. Função: por conter vitamina A e C ajuda a prevenir contra gripes e doenças respiratórias. Estimula a digestão;

– O coentro tempera sopas, legumes, peixes e carnes. Possui vitamina C e também é fonte de cálcio, fósforo e ferro. Disfarça o mau hálito se mastigado logo depois que o alho for consumido. Função: recomendado para pessoas que estão com diarreia, é vermífugo e favorece a digestão;

– O manjericão certamente é um dos temperos naturais mais apreciados. O cheirinho abre o apetite e ele é usado nos frangos, massas, sopas e molhos à base de tomate. Nas pizzas destaca o sabor dos recheios. Função: diurético, reduz desconfortos intestinais, cicatrizante e ajuda no tratamento de pessoas diabéticas;

– Manjerona tempera arroz e legumes cozidos com seu sabor picante. A dica é temperar somente depois da refeição pronta. Função: indicada para pessoas nervosas, também ajuda na digestão;

– O orégano é um tempero que pode ser usado em queijos para aperitivos, pizzas, feijão-branco, molhos à base de tomate, omelete, peixes, aves e pães. Função: expectorante, diurético, dá mais alívio a pessoas que sofrem de gases e enjoos;

– Salsa tem a vantagem de poder ser usada em tudo, principalmente em saladas, sopas, carnes e molhos. Função: Diurética e digestiva, é indicada para quem sofre de retenção de líquido e anemia. Possui vitaminas A e C.

– O tomilho é aromatizante e é usado para temperar cozidos, molhos, pães e carnes. Usado nos peixes e frangos dá um destaque especial no sabor. Contém magnésio, vitaminas C e do complexo B. Função: atua no sistema digestivo, diminui o colesterol e combate o envelhecimento precoce.

Prepare em casa um tempero natural. É bem simples. Confira a receita:

– 1 colher de sopa de manjericão seco
– 1 colher de sopa rasa de salsa seca
– 1 colher de sopa de orégano seco
– meia colher de sopa de tomilho seco.

Somente misture tudo e guarde em um recipiente bem fechado e em temperatura ambiente. Pode ser usado em pratos já cozidos ou durante o preparo.
Como você pôde ver, os temperos naturais levam uma grande vantagem em relação ao sal e vão beneficiar e muito a sua saúde e a da sua família. Faça a troca!

Publicidade

Comente