Como escolher e treinar um cão de guarda

Se você está precisando de segurança em sua casa, veja como escolher e treinar um cão de guarda e tenha uma casa mais segura e um amigo fiel em sua casa.

Antigamente, ter um cão em casa era apenas sinônimo de um animal para dar segurança para seu lar, não deixando que nenhum intruso entrasse em casa sem ser convidado. Realmente, até hoje a ideia de ter um cachorro em casa e de ter mais segurança mesmo, apesar que hoje eles estão tão dóceis e integrados a família que dificilmente encontramos um cão que morda ou lata o suficiente para assustar um bandido.

Publicidade

Mas se você quer mais do que um cachorro dócil e que realmente dê segurança a sua casa, escolha a raça certa e invista em treinamento especializado. Veja neste artigo, como escolher e treinar um cão de guarda, e tenha um lar mais seguro com um cão amigo de todas as horas.
Cão que ladra…

…deve morder! Isso que quem está em busca de um bom cão de guarda espera. Um cachorro que tem um latido forte e intimidador deve também colocar medo em quem está pensando em roubar sua casa. Cães grandes e musculosos geralmente são mais intimidadores, porém há suas exceções, assim como alguns cães de raças pequenas podem parecer inofensivos, mas dão mordidas bem dolorosas.

É o caso do boxer, um cão grande e forte, porém é um cachorro bem dócil, perfeito para crianças. Ele até pode cuidar de sua casa, mas pode facilmente ser domesticado. Já um chihuahua é pequenino, não passando de pouco mais de 2 quilos, mas pode ser um cachorrinho bem nervoso e com uma mordidinha bem dolorida.

Publicidade

Melhores raças para cães de guarda

As raças mais conhecidas para cães de guarda no Brasil são o Pastor alemão, Doberman, Rottweiller, pit bull e pastor belga. As duas primeiras raças citadas eram muito comuns nas décadas de 70, 80 e início de 90 no Brasil, sendo que no final da década de 90, o pit bull e rottweiller foram trazidas pra cá e acabaram se tornando as preferidas de quem quer uma casa bem vigiada.

Apesar de serem cachorros perfeitos para cuidar de sua casa, o rotweiller e o pitbull possuem uma característica perigosa: ambos são agressivos, bastante temperamentais e podem atacar inclusive o dono. Sempre que for andar no quintal a noite ou chegar tarde, antes sempre chame seu cão pelo nome e tenha certeza que ele reconheceu você, pois na menor dúvida ele pode atacar.

O que um cão de guarda precisa ter

Duas coisas devem fazer parte do caráter de um cão de guarda. Em primeiro lugar a obediência e em segundo a disciplina. Não adianta você ter um cão que cuide bem de sua casa mas na hora que você manda ele sentar ele não te obedecer. Da mesma forma, você precisa que ele esteja bem disciplinado, sabendo onde ficar, oque cheirar, ouvir, tudo isso para haver um cuidado total e bem feito de sua casa, sem trazer riscos pra você e sua família.

Publicidade

Comente