Como escolher o melhor chocolate para consumir

Para poder degustar o chocolate com mais prazer ainda, veja as dicas e escolha a melhor versão para consumir.

Atire a primeira pedra que nunca abriu mão de uma refeição por uma barra de chocolate. Este, além de ser delicioso, traz muitos benefícios a quem o consome. Mas por ser calórico sua ingestão deve ser moderada mesmo para quem está com o peso em dia. A composição do chocolate com que você se depara frequentemente no supermercado possui uma boa quantidade de açúcar. Sendo sua alimentação saudável e você não sofrendo de nenhuma doença que restrinja a ingestão do chocolate, não há motivos para não incluí-lo no seu cardápio.

Publicidade

Conheça agora as mais variadas versões desta delícia:

Amargo: a concentração de cacau puro pode chegar até 80%. Não tendo leite em sua composição, a cor é mais escura. Alguns paladares não se adaptam a este tipo de chocolate por ele conter menos açúcar, sendo portanto, mais amargo;

Meio-amargo: Não possui leite e a cor é mais escura. O sabor é um pouco mais suave, pois há presença de açúcar na composição. Tem 50% de cacau;

Ao leite: no país, é o campeão de consumo. O cacau fica entre 20% a 40% e é produzido com açúcar e leite;

Publicidade

Branco: muito gostoso, mas nada saudável. É preparado com manteiga de cacau, açúcar e leite, o que lhe confere a cor;

Diet: para poder ser consumido por pessoas diabéticas, ele tem em sua composição adoçantes como sorbitol e sacarina, excluindo totalmente o açúcar. No mais, os ingredientes são os mesmos do chocolate ao leite tradicional;

Cacau em pó: é o preferido para ser usado em receitas culinárias. É feito de amêndoa de cacau seca e moída;

Solúvel: é o chocolate em pó que você mistura no leite e também nas receitas de bolo e brigadeiro. Tem adição de açúcar e leticina de soja.

Os benefícios que o chocolate pode lhe trazer são muitos. Confira:

Artérias: os grãos de cacau são antioxidantes e ajudam a aumentar o calibre das artérias;

Sistema imunológico: ao comer o chocolate os flavonóides presentes no cacau fortalecem o organismo, deixando-o mais protegido;

Humor: fique mais bem humorado consumido chocolate. O cacau é fonte de triptofano e ajuda a liberar o hormônio do humor;

Estimulante: você precisa se manter mais alerta? O chocolate faz com que os neurotransmissores funcionem com mais atividade, deixando você mais atenta a tudo;

Ansiedade: o chocolate possui substâncias que atenuam a ansiedade. Porém, vá com calma no consumo;

Antienvelhecimento: retarda o envelhecimento devido a presença de antioxidantes;

TPM: grande aliado das mulheres por conter magnésio e aminoácidos nas suas propriedades;

Colesterol: ajuda a deixar os índices de colesterol bom sob controle.

O chocolate pode ser consumido em dietas de redução de peso, em quantidades mínimas. O produto fabricado no Brasil contém alto teor de açúcar, por isso o cuidado ao introduzir no cardápio. O aconselhado é comer entre 30 a 60 gramas por dia, sempre verificando no rótulo a quantidade de percentual do cacau que quando puro dificilmente engorda. Para saber a quantidade aproximada de consumo, é interessante consultar um nutricionista para avaliação de cada caso.

Publicidade

Comente