Como evitar a queda de cabelo após a gravidez

Conheça os motivos que podem levar à queda de cabelos após a gravidez.

Você já deve ter ouvido falar que muitas mulheres sofrem com a queda dos cabelos logo após a gravidez. E ao contrário do que muita gente pensa, o problema não envolve doença alguma. Tudo não passa de uma alteração hormonal.

Publicidade

A explicação para a queda é simples. Depois do parto, aos poucos, as mulheres voltam ao seu nível de padrão hormonal como era anteriormente.Durante a gravidez, com a predominância dos hormônios femininos, a queda dos fios diminui e há até um aumento de volume capilar. Esse é um fato que poucas gestantes se dão conta. O desespero começa quando, depois do parto, na amamentação, se percebe que os cabelos estão caindo mais. Se a mamãe prestar atenção, irá lembrar que eles estão caindo igual como antes de ela engravidar.

Porém mesmo sendo natural, é preciso verificar se o cabelo não está caindo demais ou se permanecerá caindo passados seis meses do parto. Quando há casos na família de calvície, redobre seus cuidados. Consulte seu médico, pois uma suplementação pode resolver o problema.

Outra questão que pode levar à queda dos fios é a alimentação deficiente. Dietas mal orientadas e restritivas, aliadas à ansiedade em recuperar a antiga forma, faz com que muitas mulheres cometam verdadeiros pecados alimentares. A falta da ingestão de nutrientes após o parto prejudicará seu organismo como um todo, causando também a queda dos cabelos.

Publicidade

E um bebê pequeno em casa não é desculpa para não cuidar das madeixas. Procure sempre lavá-las com xampus e condicionadores de qualidade e se possível evite usar de forma excessiva o secador e a chapinha para não fragilizar mais os fios.

Como você pôde ver, não há motivos para preocupações, desde que sejam tomados todos os cuidados por dentro e por fora.

Publicidade

Comente