Como evitar comer doces

Se você é uma formiguinha e não consegue resistir à brigadeiros e afins, leia as dicas abaixo e veja como evitar comer doces.

Comer um docinho de vez em quando não tem mal nenhum. O problema é quando a ingestão de açúcar ocorre muito frequentemente e sem controle. Além dos danos à silhueta como gordura abdominal e celulite, a glicose elevada pode levar a doenças como diabetes, aumento do ácido úrico e arteriosclerose. Se você quer ter uma saúde perfeita e chegar ao verão em plena forma, confira as dicas e coma menos doce:

como-evitar-comer-doces

Publicidade

CONSUMO

Quando a pessoa é compulsiva por açúcar, fazer uma parada brusca é pior. Suportar por dias ou semanas a falta do doce pode acarretar o efeito rebote, ou seja, a ingestão ainda maior de doces que anteriormente. O melhor é ir parando aos poucos. Caso você costume comer dois brigadeiros todos os dias depois do almoço, corte um. Quando a sobremesa é uma fatia gorda de bolo de chocolate, reduza-a pela metade. Você verá que pode se satisfazer com porções menores e descobrir que muito do que ingere é olho é maior que a barriga.

SUBSTITUIÇÕES

Controle os níveis glicêmicos comendo menos e mais vezes por dia alimentos saudáveis. O correto é fazer três refeições principais e dois lanches nos intervalos dessas. Assim a fome diminui e, consequentemente, a vontade de comer açúcar. Gradativamente, como foi mencionando no tópico anterior, diminua os doces e vá fazendo substituições. Troque o bombom por frutas in natura ou por frutas secas. As gelatinas lights também são indicadas, podendo ser acrescentado pedaços de frutas. Outra opção é ingerir frutas com iogurte light. Os frozen iogurtes são bem recomendados nesses casos. Eles são refrescantes, contém poucas calorias e são bem saudáveis.

Você pode preparar maçã, pêra ou banana no micro-ondas com cravo e canela por cima. Essa variação tira a vontade de comer o doce, tornando-se uma sobremesa bem saudável.

Publicidade

EMOÇÕES

As emoções também podem se tornar vilões quando o assunto é doce. Há pessoas que no auge da tensão escolhem o açúcar para afogar as mágoas. E as coisas só tendem a piorar com o aumento de peso e danos à saúde. Nesses casos, vale procurar ajuda profissional e nutricional, bem como fazer técnicas de relaxamento. Afinal, se empanturrar de doces não resolve o problema de ninguém.

MANTENHA DISTÂNCIA

Manter doces e balas em casa é uma verdadeira tentação e pode pôr em risco qualquer tentativa de combater o açúcar. Portanto, o melhor a fazer é terminar com o estoque da casa. Se isso não for possível ainda, diminua as quantidades. Deixar guloseimas na bolsa é um convite a que elas não durem muito. Guardar na gaveta do escritório é outra roubada. Opte por alimentos saudáveis e sem açúcar. Barrinhas de cereais e chocolate meio amargo são excelentes e gostosos. Mas não abuse demais, fique sempre de olho nas calorias.

ALIMENTOS CERTOS

Dê uma ajuda para si mesma consumindo alimentos que controlam a vontade de se empanturrar de doces. Inclua na sua dieta aveia, banana, maçã, caneca, grãos em geral e castanha-do-pará.

ATIVIDADES FÍSICAS

Importante em qualquer situação, ter uma atividade física regular é de grande ajuda para resistir aos doces. Quando algumas substâncias que dão prazer, melhoram o humor e controlam a ansiedade são liberadas no cérebro durante os exercícios, a vontade de diminuir doces vai embora.

Tem muita gente que salta uma refeição ou diminui a quantidade de comida para poder dar uma abusadinha na sobremesa mais tarde. Essa é uma técnica que não dá certo, pois certamente haverá um exagero de consumo nas outras refeições ou algumas “beliscadas” fora de hora. E o que acontece? Mais calorias são ingeridas.

Preste atenção no que você come e o açúcar não será mais tão importante assim na sua vida.

Publicidade

Comente