Fazer a higiene íntima de forma correta pode evitar muitos desconfortos e problemas. Proteja-se lendo as dicas a seguir.

A higiene íntima da mulher é algo que deve ser levado muito a sério. Você costuma usar sabonetes íntimos, lenços umedecidos e protetores de calcinha com frequência? Se sua resposta for positiva, é melhor você ler as dicas abaixo. Cuide da sua saúde e faça sua higiene de forma correta:

Como fazer a higiene íntima corretamente

– Procure usar sabonetes neutros ou de glicerina para fazer a higiene na região genital. Suas propriedades podem evitar o surgimento e proliferação de bactérias e fungos que, quando atacam, provocam irritação, coceira e corrimento;

– Jamais use esponja para esfregar a vulva. Por ser uma área muito sensível, podem ocorrer ferimentos no local. O mesmo vale para toalhinhas e outros acessórios de banho;

– Muitas mulheres têm preocupação demasiada em higienizar o canal vaginal. Para isso se utilizam de artifícios como jatos de água e sabonetes que retiram a proteção natural. As candidíases costumam surgir também nestes casos. Portanto, faça sua higiene apenas na região externa. O canal vaginal é úmido e isso basta para não acumular sujeira;

– Cuidado com os sabonetes em barra. Para começar, ele é mais alcalino, podendo alterar a flora vaginal. E jamais o divida com outra pessoa para não haver risco de contaminação. O ideal é usar sabonete líquido;

– Os lencinhos úmidos são excelentes para usar naquelas situações em que não é possível se limpar adequadamente. Mas se você sentir alguma coceira ou irritação, pare de usar e procure seu médico. Pode ser que você seja alérgica;

– Antes de usar sabonete íntimo todos os dias, converse com seu médico. Apesar de alguns fabricantes garantirem que não há problema em usá-los todos os dias, sabonetes deste tipo são recomendados para quem sofre de infecções ginecológicas com muita frequência;

– Os papéis higiênicos coloridos ou perfumados são uma graça, mas usá-los não faz bem para a saúde da mulher. As fragrâncias e os corantes podem causar danos à mucosa da vagina. Ardência, fissuras externas, coceira e dor ao fazer xixi ou na hora do sexo são alguns dos sintomas;

– No período menstrual evite ficar muito tempo com o mesmo absorvente. Troque de acordo com a intensidade do fluxo. Bactérias e fungos se sentem em casa em ambientes úmidos e com sangue, proliferando-se muito rapidamente;

– Usar roupas bem apertadinhas podem até deixar você bem sedutora, mas certamente em nada contribui com sua saúde íntima. Como a região genital é abafada e úmida naturalmente, o melhor é dar preferência para saias e vestidos, pois permitem mais ventilação;

– Depois do sexo, faça xixi. A urina ajuda a limpar o canal da uretra, podendo ajudar a impedir contaminações;

– Protetores íntimos abafam a região genital, provocando candidíases. Use somente quando for necessário.

Siga as dicas e, na dúvida, não sofra! Procure seu médico imediatamente.

Receba mais sobre "Como fazer a higiene íntima corretamente" e outros artigos do Como Fazer Online no seu e-mail. É grátis!



Faça um Comentário