Como mudar os hábitos alimentares

Aprenda neste artigo algumas formas de mudar os hábitos de forma que você se acostume com sua nova vida.

O maior desafio de quem precisa cuidar da saúde é parar de comer aquilo que lhe faz mal e começar a comer aquilo que odeia, já que, geralmente, o médico manda cortar gordura, açúcar, massas e outras comidas mais pesadas, substituindo todas elas por frutas, verduras, legumes e uma boa dose de exercícios. Mas se é por um bom motivo, porque não tentar mudar? Vamos às dicas:

Publicidade

• Peça ao nutricionista uma lista detalhada!

O nutricionista sempre irá te dizer o que não pode e o que pode comer. Qual a quantidade, forma de preparo e etc., mas se ainda restar dúvidas, peça a ele uma lista mais do que detalhada sobre o que não deve nem chegar perto. Dica de livros de receitas e quais são as exceções que você pode comer. Por exemplo: Posso comer chocolate? Se sim, quanto por mês?

• Não faça as compras.

Peça alguém da família – de preferência o mais responsável e pouco persuasivo – para ir ao mercado no seu lugar ou para ir junto com você. Dê a ele a carta branca para decidir o que vai e o que não vai ser comprado de forma que ele possa te controlar. Se não tiver nenhum parente disposto a fazer isso ou que não esteja por perto, um amigo ajuda e muito.

• Faça lembretes e cole na porta da geladeira.

A maior desculpa de acontecer recaídas é: Ninguém se importa, ninguém está vendo. É só um pedacinho e não vai fazer mal!

Publicidade

Mas acontece que se ninguém se importa você não teria parado no hospital! Se ninguém está vendo… Será mesmo que ninguém irá notar pela sua mudança de humor e falta de mudanças? E sim, um pedacinho do que foi proibido pode sim fazer mal, pois nunca fica em um pedacinho só!

Então crie bilhetinhos te lembrando destas coisas, pedindo para cuidar de si mesmo, se valorizar, que sua saúde depende única e exclusivamente das suas atitudes e decisões tomadas. Te lembrando de todo o esforço que foi para conseguir decidir que é esse o caminho que deve seguir. Escreva algo que você sabe que irá te atingir de verdade!

• Informe os amigos sobre sua nova situação.

Os amigos tendem a incentivar, cuidar e pegar no pé. São grandes responsáveis pelo bom andamento de nossas vidas, então, não há nada mais justo do que deixa-los a par da situação. Diga a eles que você está com dificuldade para mudar e precisa do apoio deles, peça para não permitirem que você caia em tentação, pois sua saúde está em jogo!

• Não seja cruel com você mesmo nem com os outros.

Quem está mudando os hábitos tende a se criticar demais, se ofender e se estressar. Tente fazer com frequência coisas de que goste, que te agrada, que te distraia.
Evite, a todo custo, se lembrar do lado ruim e procure se lembrar apenas dos benefícios.

Sem falar que acabam por descontar naqueles que só querem ajudar, magoando os sentimentos de cada um. Pense um pouco: Por mais difícil que seja, é assim mesmo que você quer retribuí-los por todas as coisas boas que fizeram por você até agora?

Mudar, independente da razão, nunca é fácil! Existem os velhos hábitos guardados na memória que servem para lhe perturbar, mas com força de vontade e muito querer, você pode ir longe. Lembre-se sempre do que te motivou a chegar até aqui e use-o para continuar progredindo. Não tenha medo de conseguir!

Publicidade

Comente