Como planejar o 13º salário

O 13º salário é a salvação de muita gente. Porém, antes de colocar seu dinheiro para circular, confira as dicas para planejar os gastos com a grana extra.

Quando se aproxima o final de ano as pessoas começam a ficar alvoroçadas com a perspectiva do recebimento do 13º salário. Realmente ele é a salvação para quem está atolado de dívidas e precisa urgentemente saldá-las. Mas antes que você saia por aí pagando todas as suas contas, cabe fazer algum planejamento para não torrar o dinheiro por nada. Veja como planejar seu 13º salário e fazê-lo render muito mais:

Publicidade

– Pague as suas contas, dando prioridade para aquelas que estão mais perto do vencimento. Evite os juros em excesso e que podem comprometer todo seu orçamento;

– Quando estamos com dinheiro na mão, a tendência é sair gastando. A tentação é grande para comprar um computador novo, uma televisão moderna, mobiliar a sala.

Evite gastar com aquilo que não é tão urgente assim. Nada de comprar por impulso, pense bem e ponha no papel cada coisa que você pretende adquirir. Depois confira se realmente você está precisando de tudo o que listou e tome sua decisão;

Publicidade

– É no final do ano que surgem muitas promoções, algumas que realmente valem a pena desembolsar dinheiro vivo. Se o seu planejamento funcionar, certamente você poderá adquirir aquele produto que tanto deseja;

– Quem tem filhos sabe que no início do ano vêm as matrículas na escola e a compra do material. Realmente uma boa fatia do 13º salário vai nisso. Reserve uma parte para a educação das suas crianças;

– Quem quer fazer uma viagem mais longa nas férias já deve começar a se planejar meses antes. Reserva de hotéis, pacote de viagem, passagens aéreas. As pessoas que conseguem economizar um pouco durante o ano podem usufruir do 13º salário para curtir com mais tranquilidade suas férias;

– Existem aquelas contas que chegam junto com o ano novo. IPVA e IPTU pagos antecipadamente rendem bons descontos. Aproveite;

– Não esqueça que além do IPVA, é preciso reservar uma parte do 13º salário para o licenciamento do carro e para a inspeção veicular;

– Se sobrou algum dinheirinho, invista. A poupança é indicada para você ir guardando seu dinheiro mês a mês e quando chegar novamente no final do ano ter alguma quantia para viajar ou comprar à vista um produto mais caro;

– Havendo muitas dívidas, separe um montante para cada uma delas;

– Procure fazer as compras de final de ano sem usar seu 13º salário.

Gaste seu 13º salário de uma forma consciente e mais racional e faça com que ele renda bem mais.

Publicidade

Comente