As opções mais comuns são o uso de um GPS e o serviço das operadoras de telefonia.

O celular é um dos objetos de roubo mais comuns, segundo a Polícia Militar. Além disso, rastrear um celular pode ser muito útil em casos de sequestros.

No Brasil, a inclusão do GPS nos smartphones permite rastrear um celular em qualquer posição. Se o aparelho for roubado ou se o proprietário estiver em cárcere privado, a Polícia pode encontrá-lo e solucionar o crime.

Como rastrear um celular

Mas existem situações mais amenas. Se você perdeu seu celular numa festa ou viagem, ou se o perdeu na condução, pode rastreá-lo e recuperá-lo com facilidade.

É possível baixar o aplicativo de rastreamento. O site wheresmydroid.com indica a latitude e longitude exatas do aparelho. Para iPhones e iPads, há um aplicativo no site da Apple, o “Find my iPhone”. Você também pode cadastrar seu aparelho no Google Latitude. Os sites usam os paralelos e meridianos para indicar o local, como um shopping, por exemplo. Estes aplicativos precisam estar no celular e num computador, ou você não conseguirá nada.

Uma curiosidade: o aplicativo da Apple permitiu localizar os destroços de um avião que caiu no arquipélago Juan Fernandez, pertencente ao Chile, a 600 quilômetros da costa, em setembro do ano passado. Uma das vítimas estava com o seu iPhone.

As operadoras de telefonia também podem ser acionadas para rastrear o celular, mas isso só ocorre em situações extremas, como possibilidade de acidentes e crimes graves (com penas acima de quatro anos), para não comprometer a privacidade dos clientes. O rastreamento pelas operadoras é feito a partir do sinal do celular para uma determinada antena. A localização não é exata, mas pode indicar um perímetro de busca.

Se você é um detetive, pode inserir um chip GPS no aparelho da pessoa que está monitorando e acompanhar literalmente todos os seus passos. Mas caso faça isso para perseguir alguém, saiba que está infringindo a lei e pode ser preso a qualquer momento.

Na internet, vários sites oferecem serviços de rastreamento e, quando você entra num deles, logo percebe que o objetivo é sempre o mesmo: bisbilhotar a vida de alguém. Mas controle a sua curiosidade e não perca o seu tempo. Os equipamentos que eles dizem ter são caríssimos e, por lei, só órgãos do governo podem adquiri-los.

O GPS pode se tornar uma babá digital. Se você quiser saber onde está seu filho ou filha, basta presenteá-lo com um smartphone. Você vai poder encontrá-lo sempre que quiser.

Receba mais sobre "Como rastrear um celular" e outros artigos do Como Fazer Online no seu e-mail. É grátis!



Faça um Comentário