Como se tornar um escoteiro

Seu filho está com vontade de fazer algo diferente? Ser escoteiro é uma ótima pedida.

Ficar horas sentado nos bancos escolares ou na frente do computador rende também horas de tédio. O escotismo é uma atividade diferente, onde a criança aprende brincando e se divertindo. Nos grupos de escoteiro são ensinados vários conceitos como o de respeito ao próximo e do trabalho em equipe. O objetivo dos grupos de escoteiros é estimular a cultura da paz.

Publicidade

E não apenas as crianças podem fazer parte. Muitos pais se envolvem nas atividades e auxiliam na administração e organização dos grupos. É um jeito bem legal de unir a família em torno de uma causa.

Para entrar em um grupo de escoteiro, procure no site www.escoteiros.org.br qual grupo fica mais próximo do local que você mora. Os escoteiros precisam ter idade entre 6 anos e meio e 21 anos. É aos sábados, principalmente, que as atividades ocorrem. Há um custo para participar dos grupos, mas isto varia de um para outro. Normalmente ficar ao redor de R$ 50,00. Vale ressaltar que os grupos de escoteiros não possuem fins lucrativos, mas o valor arrecadado é utilizado para manter a sede do clube. Há muitos grupos que oferecem uma bolsa para viabilizar o ingresso daqueles que não têm condições financeiras de contribuir.

Conheça agora os 10 artigos da lei escoteira:

Publicidade

1. O escoteiro tem uma só palavra;
2. O escoteiro é leal;
3. O escoteiro está sempre alerta para ajudar o próximo e pratica diariamente uma boa ação;
4. O escoteiro é amigo de todos e irmão dos demais escoteiros;
5. O escoteiro é cortês;
6. O escoteiro é bom para os animais;
7. O escoteiro é obediente e disciplinado;
8. O escoteiro é alegre e sorri nas dificuldades;
9. O escoteiro é econômico e respeita o bem alheio;
10. O escoteiro é limpo de corpo e alma.

A cada idade surgem novos desafios. Confira:

Lobinho: são os participantes com idade entre 6 anos e meio e 10. Todos os ensinamentos são passados às crianças em forma de brincadeiras. Os lobinhos aprendem acerca do trabalho em equipe e dentro do escotismo descobrir seus interesses.

Escoteiro: entre os 10 e 15 anos as crianças e pré-adolescentes já estão mais independentes. É chegada a vez de participar dos acampamentos. Os próprios escoteiros já são capazes de montar suas barracas e providenciar a alimentação. Mas eles não ficam sozinhos. Há sempre a supervisão de um adulto, chamado de “chefe”, acompanhando tudo de perto.

Sênior: os participantes que estão na faixa dos 15 aos 17 anos participam de desafios mais ousados e acampamentos inusitados. Não se surpreenda caso se deparar com barracas flutuantes.

Pioneiro: são os mais velhos, com faixa etária entre 18 e 21 anos. Praticamente adultos, eles passam a exercer o papel de cidadão. As atividades podem variar desde visitar instituições de caridade como plantar hortas e consertar brinquedos.

Una sua família em torno de uma excelente causa. Inscreva seu filho em um grupo de escotismo.

Publicidade

Comente