Como ser voluntário na Copa das Confederações (2013) e Copa do Mundo (2014)

O Brasil sediará importantes eventos esportivos nos próximos anos e o governo está selecionando voluntários que queiram ajudar fazer esses eventos acontecerem.

O Brasil vai sediar, nos próximos anos, três grandes eventos esportivos: a Copa das Federações, em 2013, a Copa do Mundo, em 2014, e as Olimpíadas em 2016. É comum em eventos de grande porte, como esses, que haja trabalho voluntário. As pessoas se candidatam a vagas para trabalharem sem receber nenhum dinheiro em troca, mas em compensação, ganham muita experiência de vida e contato com pessoas e culturas do mundo todo. Além disso, tem a chance de conviver com atletas renomados e os ajudar no que precisarem durante o evento. Esses grandes eventos geralmente são rápidos, duram apenas algumas semanas, e por isso, é necessário mobilizar muitas pessoas para que tudo aconteça como deve acontecer, de forma ágil.

Publicidade

O primeiro desses eventos será a Copa das Confederações, que começará no dia 15 de junho e a abertura será em Brasília. O governo já abriu as inscrições para quem desejar trabalhar como voluntário no evento, e selecionará 7 mil pessoas que sejam residentes no Brasil. Para se inscrever, é necessário ter pelo menos 18 anos, morar no Brasil (não necessariamente ser brasileiro) e ter disponibilidade de horário. O interesse em ser voluntário deve ser demonstrado pelo site criado pelo governo federal para cadastrar voluntários; basta acessar o endereço www.brasilvoluntario.gov.br e fazer o cadastro. O site funciona como uma rede social, lá todos que desejam ser voluntário terão um perfil, poderão fazer amizades com outros potenciais voluntários, dividir informações e até postar fotos e vídeos. As inscrições para ser voluntário na Copa das Confederações abriram hoje, 22 de janeiro, e se encerram no dia 16 de fevereiro.

Ao se cadastrar, é importante preencher tudo o que é pedido no formulário que aparece no site. Além de informações pessoais, é nesse formulário que as pessoas indicarão em quais cidades podem (ou desejam) trabalhar, quais atividades tem maior interesse ou capacidade para fazer etc. Será criado um login (o email que for cadastrado) e senha com os quais é possível acessar sempre a rede de voluntários. Ao acessar pela primeira vez, para fazer o cadastro, é importante preencher todos os dados obrigatórios e salvá-los antes de preencher os dados da próxima etapa. Na Copa das Confederações 2013, as cidades de atuação são seis capitais: Recife (PE), Fortaleza (CE), Salvador (BA), Brasília (DF), Belo Horizonte (MG) e Rio de Janeiro (RJ). Os voluntários não ganharão salário, mas contarão com um auxílio para transporte e alimentação; ganharão ainda uniforme e terão um seguro de responsabilidade civil.

Os voluntários selecionados passarão por capacitações coordenadas pela UNB (Universidade de Brasília), com aulas presenciais e à distância, e terão um certificado que poderá ser usado e reconhecido depois no mercado de trabalho. Esses certificados valem ainda como horas de atividade extracurricular, exigidas em muitos cursos universitários para a obtenção do diploma. A primeira etapa da capacitação será à distância e começa em março. No fim do curso, as pessoas que mostrarem estarem preparadas, após fazerem uma prova, serão convocadas para dar continuidade ao treinamento com aulas presenciais, para então estarem de fato preparadas para atuar no evento.

Publicidade

As principais atividades dos voluntários durante a Copa das Confederações será atuar em pontos turísticos e aeroportos das cidades-sede, dando informações e ajudando os turistas, além de shoppings, festas e eventos menores que também façam parte da programação da Copa das Confederações. Os voluntários também irão coordenar e ajudar as atividades de profissionais que montarão equipamentos técnicos, profissionais de imprensa, além de receber e organizar torcedores e profissionais não cadastrados da imprensa. Muitos dos voluntários que já falem, ou que irão aprender línguas estrangeiras, poderão atuar recepcionando e ajudando turistas estrangeiros e mesmo comissões dos times e atletas internacionais.

Para a Copa do Mundo, em 2014, a rede de voluntários, pelo mesmo site usado para o cadastro para a Copa das Confederações (www.brasilvoluntario.gov.br), será reaberta e serão selecionados 50 mil pessoas que atuarão no evento de maneira semelhante, o processo será semelhante ao da Copa das Confederações.

Publicidade

Comente