Como ter um orgasmo mais intenso

Descubra como atingir o clímax de forma mais poderosa

“Chegar lá” na hora do sexo, infelizmente, não é uma realidade para todas as mulheres e nem sempre acontece em toda relação sexual.

Dentre as diferentes causas da anorgasmia – ausência de orgasmos – estão questões fisiológicas e emocionais que devem ser investigadas pelo médico de confiança, que vai auxiliar a mulher a encontrar o melhor tratamento para seu problema e até mesmo a encontrar o prazer desconhecido.

Publicidade

Para aquelas que querem reforçar ou melhorar a vida sexual e tornar os orgasmos melhores, maiores e mais intensos, há dicas de sexólogos e ginecologistas que ajudam a atingir o clímax de forma mais fácil e melhorada, tornando a vida a dois ainda melhor, mais íntima e conectada.

Diferente dos homens, que se excitam apenas com um olhar, as mulheres precisam de diversos estímulos para estar excitadas e aptas a serem penetradas. Segundo especialistas, o parceiro pode ajudar a manter a mulher sempre “no clima” durante a transa, mesmo antes da penetração, caprichando nas preliminares e variando a intensidade das carícias.

Publicidade

Não evite o orgasmo. Se o seu corpo dá sinais de que está chegando lá e você consegue reconhece-los, fica mais fácil saber o que te excita e o que te ajuda a atingir o auge do sexo.

Fantasie muito e se permita realizar os pensamentos mais calientes. Enquanto não chega a hora da transa, coloque a imaginação para funcionar e deixe-se ter os pensamentos mais quentes até o momento do sexo, independentemente de fantasiar com coisas que não pretende realizar, como transar com outra pessoa, fazer sexo em algum lugar proibido ou sujo etc.

Estimule-se sempre: brinque com mãos, língua, brinquedinhos, etc., para descobrir o que te dá prazer e quais os pontos que mais são capazes de te ajudar a atingir o orgasmo, facilitando até mesmo encontrar o ponto G, a forma mais adequada de manipular o clitóris e como gosta de ser tocada ou não, potencializando as sensações na hora H. A mulher que não tem vergonha e se masturba, se toca, tem mais facilidade para sentir prazer e para conduzir seu parceiro a fazê-la chegar ao clímax.

Uma dica dos médicos e sexólogos para ter orgasmos múltiplos está em começar a relação sexual com um orgasmo já nas preliminares, pois depois, com a penetração, a mulher está mais apta a atingir o clímax, pois é outro estímulo, dessa vez por dentro da vagina, que torna o orgasmo ainda mais forte e apreciado.

Publicidade

Comente